Blog Recify

Navegando pelas novas regras da publicidade médica: estratégias em conformidade com a Resolução CFM nº 2.333/23

No dia 10 de março de 2023, o Conselho Federal de Medicina (CFM) publicou a Resolução nº 2.333/23, trazendo consigo uma série de mudanças significativas no que diz respeito à publicidade na medicina no Brasil. Essas mudanças têm o objetivo de modernizar as diretrizes, adaptando-se ao contexto digital e proporcionando maior clareza tanto para os médicos quanto para o público em geral. Neste post, vamos analisar as principais alterações trazidas por essa nova resolução e discutir seu impacto no cenário médico brasileiro.

1. Publicidade Digital: Uma Nova Abordagem

Com o avanço da tecnologia, a nova resolução reconhece a importância das plataformas digitais na comunicação médica. Agora, os médicos podem utilizar websites, redes sociais e outras formas de mídia online para informar o público sobre especialidades médicas, tratamentos e procedimentos oferecidos, desde que o conteúdo seja claro, objetivo e não sensacionalista.

2. Uso de Testemunhos e Antes/Depois

Uma das mudanças mais marcantes é a permissão para o uso de testemunhos de pacientes e imagens de resultados antes/depois em contextos educacionais, desde que haja autorização expressa dos pacientes e que não haja qualquer forma de exposição ou constrangimento.

3. Especialidades e Títulos de Qualificação

A resolução estabelece critérios claros para a divulgação de especialidades e títulos de qualificação dos médicos. Agora, é obrigatório informar o número de registro no Conselho Regional de Medicina (CRM) juntamente com qualquer alegação de especialidade ou área de atuação. Isso visa garantir a transparência e evitar informações enganosas.

4. Proibição de Sensacionalismo e Garantias de Resultados

A resolução reforça a proibição de qualquer forma de sensacionalismo na publicidade médica, bem como a promessa de garantias de resultados. A saúde é um assunto sério e deve ser tratada com responsabilidade e ética, evitando promessas irreais que possam levar a expectativas não cumpridas.

5. Penalidades para Violações

Para assegurar o cumprimento dessas novas diretrizes, a resolução estabelece penalidades para médicos e estabelecimentos de saúde que violarem as regras. As penalidades podem variar desde advertências até suspensão temporária do direito de anunciar serviços médicos.

Rumo a uma Comunicação Médica Transparente e Ética

A Resolução CFM nº 2.333/23 marca uma nova era na comunicação médica, enfatizando a transparência, a ética e a responsabilidade. Nesse cenário em constante mudança, é essencial para os profissionais de saúde e estabelecimentos médicos adaptarem suas estratégias de marketing para se alinharem com essas diretrizes rigorosas.

É aqui que a Recify entra em cena. Como uma agência de marketing especializada, eles entendem as nuances do setor de saúde e podem ajudá-lo a criar uma estratégia de marketing robusta e ética que atenda aos requisitos da nova resolução. Ao colaborar com a Recify, você terá acesso a uma equipe de especialistas em marketing digital, prontos para desenvolver campanhas personalizadas que destacam seus serviços médicos de maneira responsável e envolvente.

Entre em contato com a Recify hoje mesmo e comece a construir uma estratégia de marketing que respeite as novas diretrizes, ao mesmo tempo em que impulsiona o seu negócio médico para o futuro. Juntos, podemos moldar uma comunicação médica mais transparente, confiável e centrada no paciente.

Gostou? Compartilhe este post!

× Fale Conosco